sexta-feira, 17 de agosto de 2012

A Carta


Acordo em meio a uma noite,com uma sensação de desespero,ainda deitada em minha cama olho em volta,e tudo no escuro aos meus olhos,se parecem com demônios.
Quase como em um susto,pulo da cama rapidamente,e entendo o que me faz essa ilusão de demônios,o maldito sonho novamente.
Pego meu roupão e me visto nele,a noite está fria,e entendo o que exatamente devo fazer para ter minha liberdade.
Me sento no pequeno escritório,decido escrever sobre esse tormento eterno,já ouvi dizer uma forma de se exorcizar seus demônios,escreva sobre eles!
Pego uma papel na gaveta de mogno,uma caneta um tanto quanto refinada e então começo:
"Essa vai ser a última vez que o faço.Fique atento a ler tudo até ao fim,juntamente com esta carta.
Pois bem mais uma vez acordo com essa água infinita dentro de mim em meus olhos,e vou aqui escrever tudo,que jamais ousei dizer a NINGUÉM!
Não existe um jeito por onde começar,mas sei por onde terminar.
Faz alguns anos desde TODO o fim,e até hoje as marcas deixadas por você permanecem,é quase como um ritual,rever nossos devidos dias.
Lembro-me o primeiro dia em que te vi,eu uma simples atendente,em bar/restaurante,e você com toa  a pinta do mundo,rodeado por amigos e uma garota de deixar as outras com inveja ao seu lado...Mas naquele dia,algo aconteceu,mesmo estando ao lado de uma garota linda,rica,você OLHOU PARA MIM!
O pior não foi apenas seu olhar,a percepção de colegas de trabalho,e a minha,do seu olhar me "perseguindo" durante a noite toda. E no fim da noite você me entrega juntamente com a conta um guardanapo escrito: -"Desculpa,mas eu gostaria de lhe dizer,quando a olhei algo dentro de mim mudou,não sei ao certo,mas preciso lhe conhecer,espero não estar sendo invasivo" - juntamente seu telefone.
Sem graça o vi partir,e sem graça pensava,como pode um homem desses OLHAR PARA MIM!
Dias após saímos, parecíamos nos conhecer a anos,a conversa algo fluía entre nós,e se o tempo nos permitisse ficaríamos conversando eternamente.
E logo mais estávamos juntos, NAMORANDO,nunca havia sentido tão calor em meu peito,tal certeza em minha alma,a perfeita simetria.
Após um ano juntos fomos viver juntos,na certeza,de que um gostaria de abrir aos olhos ver apenas a maior beleza existente nesta vida,um ao outro.
Vivemos bem durante mais ano e meio(altos e baixo,todos temos mas os nossos altos,SIMPLESMENTE ACABAVAM COM OS BAIXOS),após esse período,a fase que hoje eu denomino como "inferno" apareceu.
Acordávamos e nos estranhávamos,era briga atrás de briga, parecíamos dois estranhos,dois indivíduos em um ódio mutuo.Palavras machucaram,lagrimas foram derramadas,conversas desnecessárias tomaram conta de nosso tempo.
E um dia você me diz : - Melhor nos separamos,pode ficar aqui,saiba amor por você sempre terei e ainda te amo,estou fazendo isso por nós,viva sua vida,seja uma vencedora como sempre você foi.
Com lágrimas,dor,foi o abraço mais difícil em minha vida,e o vi partir.
Após isso os anos foram se arratando,algumas pessoas entraram em minha vida,mas NINGUÉM havia o calor em minha alma,apenas quando eu estava e olhava para ti o sentia!
Hoje após esses três anos passados,me sinto sim uma vencedora,melhorei de emprego,fiz uma pós graduação,estou bem financeiramente,faço milhares de coisas durante o dia,mas algo me falta em meu ser,o AMOR.
Estou escrevendo pra lhe dizer você foi e sempre será o amor da minha vida,muitas vezes o acordo de madruga chamado seu nome,sonhos e mais sonhos vem a me atormentar,e apenas nesses dias o que posso fazer é chorar para me libertar.
Entendo que você esteja desde pelo menos um ano com outra pessoa,e não quero de maneira alguma atormentar o relacionamento de vocês,apenas exorcizar tudo que fica em minha mente a tempos.
Eu te amo e sempre vou te amar,vou lhe guardar em um lugar onde ninguém poderá,lhe tirar,desejo toda a FELICIDADE DO MUNDO,Amar é desejar ao próximo,que desejara a si mesmo não é mesmo?
Com lágrimas caindo vou lhe dizer TE AMO, DESEJO A VOCÊ QUE SEJA FELIZ,POSSO DIZER HOJE MUDEI PARA MELHOR DEVIDO A VOCÊ,VOCÊ FOI MEU MUNDO,DESEJO QUE SEU MUNDO SEJA COMPLETO ASSIM COMO O MEU FOI,O TEMPO COM TI,SINCERAMENTE SEM MAIS DIZER SORRIA,E VOU SORRIR,SEJA FELIZ E FARÁ DA SUA FELICIDADE A MINHA!"

Releio a carta ainda chorando,coloco ela em um envelope,a fecho.
Olho para ela,com a coragem/covardia decido por não lhe enviar e a começo queima-la,quem sabe assim como as faíscas e labaredas em que subiam,meus sentimentos finalmente se queimariam.


Volto a dormir...

Acordo e me sinto melhor por ter colocado tudo o que desejava em uma carta,vou ao banho,e me demoro nele,saio e me troco para ir ao serviço.
De repente escuto a campainha.
Vou até a porta,abro-a,lágrimas na mesma hora escorrem dos olhos a sensação em que fui tomada é indescritível.
É você em minha porta com aquele sorriso,em que me conquistou co uma mala na mão deixa-a cair no chão,e como um impulso pulo e o abraço...





Um comentário:

Translate

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto

Geek,Dancer,Caricato,Extrovertido,Gamer.
Ocorreu um erro neste gadget

Pesquisar este blog